sexta-feira, 23 de março de 2012

MAIS DE 30 MIL CANDIDATOS FARÃO EXAME DE SUFICIÊNCIA DA CONTABILIDADE, DOMINGO, 25

A prova será aplicada em todo o País, simultaneamente
 
No próximo domingo dia 25, das 8h30 às 12h30, 30. 714 candidatos a exercer a profissão de contador farão o Exame de Suficiência, em 121 locais em todo o País.  Os endereços podem ser acessados no site do CFC.

As provas, aplicadas para bacharéis e técnicos em Contabilidade, serão compostas de 50 perguntas objetivas, valendo um ponto cada uma. Os conhecimentos  necessários aos técnicos são: Contabilidade Geral; Contabilidade de Custos; Noções de Direito; Matemática Financeira; Legislação e Ética Profissional; Princípios de Contabilidade e Normas Brasileiras de Contabilidade; Língua Portuguesa Aplicada. Os bachareis em Ciências Contábeis, deverão conhecer o seguinte conteúdo: Contabilidade Geral; Contabilidade de Custos; Contabilidade Aplicada ao Setor Público; Contabilidade Gerencial; Noções de Direito; Matemática Financeira e Estatística; Teoria da Contabilidade; Legislação e Ética Profissional; Princípios de Contabilidade e Normas Brasileiras de Contabilidade; Auditoria Contábil; Perícia Contábil; Controladoria; e Língua Portuguesa Aplicada.

 
 
Os candidatos deverão comparecer ao local da prova com 30 minutos de antecedência com caneta esferográfica de tinta azul ou preta, comprovante de inscrição e documento de identificação original contendo, obrigatoriamente, filiação, fotografia e data de nascimento. Não serão aceitas cópias autenticadas. Durante a avaliação, não será permitido o uso de livros, manuais, impressos ou anotações, agendas eletrônicas, tablet ou similares, celulares,  smartphone,  iphone,  pager, máquina fotográfica, gravador ou qualquer outro equipamento eletrônico.

A expectativa do presidente do CFC, Juarez Domingues Carneiro, é de que o índice de aprovação seja superior a 60%. “Percebemos a cada edição do Exame de Suficiência da Classe Contábil maior comprometimento das instituições de ensino e dos alunos, o que vem fazendo com que o índice de aprovação melhore a cada teste. Na primeira edição do Exame, em março de 2011, o índice de aprovação foi de 30%, na segunda, em setembro de 2011, atingimos o patamar de 50% de aprovação, e agora trabalhamos com a margem de 60% de aprovados, comprovando que o objetivo do Exame é valorizar a profissão, melhorar a  qualidade do ensino e colocar no mercado profissionais capacitados para os desafios do mundo dos negócios, cada vez mais exigente e competitivo”, observa Carneiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário