quarta-feira, 11 de julho de 2012

Fundação José Augusto oferece curso de direção de arte cinematográfica em agosto

Cenógrafa Vera Hamburger
A Fundação José Augusto oferece 25 vagas para o Curso de Direção e Arte em Vídeo. O curso faz parte da programação do Festival Agosto da Alegria 2012 e será ministrado pela diretora de arte e cenógrafa Vera Hamburger, entre os dias 13 e 17 de agosto, em Natal. As aulas serão ministradas no horário vespertino, das 14 às 18 horas.


O curso proporcionará aos estudantes o conhecimento do processo de criação e realização de um projeto de direção de arte cinematográfica, suas matérias e ferramentas principais, além da compreensão da abrangência e especificidade do papel do diretor de arte como criador do universo visual de um filme ao lado do diretor e do diretor de fotografia.
Durante as atividades, serão apresentados como estudos de caso os filmes “Não por acaso” de Philippe Barcinscky, “Cafundó”, de Clóvis Bueno e Paulo Betti, “Brincando nos campos do Senhor”, de Hector Babenco e “Castelo Ratimbum, o filme”, de Cao Hamburger A discussão será fundamentada em fotografias de locação, desenhos de projeto; fotografias de construção e de cena, processo de criação e de produção. 
São pré-requisitos para o curso interesse e vivência prática sobre o trabalho de direção de arte, produção, figurino e cenografia em projetos audiovisuais. Pessoas que já trabalhem no mercado, videográfico ou cinematográfico, e estudantes de cinema e comunicação têm prioridade.
A ficha de inscrição pode ser baixada no site da Secultrn/FJA (www.cultura.rn.gov.br) e deve ser encaminhada até o dia 31 de julho para a Fundação José Augusto no seguinte endereço: Curso de Direção em Arte e Vídeo. Rua Jundiaí, 641, Tirol. CEP: 59020 – 120, Natal-RN.


Sobre a ministrante

Vera Hamburger é diretora de arte e cenógrafa paulista, formada em arquitetura e urbanismo pela USP em 1989. Desde então, desenvolve trabalhos no cinema, teatro ou em filmes publicitários, além de ter atuado também em espetáculos de dança e óperas. Participou como cenógrafa dos filmes Lamarca (1993), de Sergio Rezende, O menino maluquinho (1994) de Helvécio Ratton, A ostra e o vento (1996) e Carandiru (2002), de Hector Babenco. 
Como diretora de arte, trabalhou na série produzida pela HBO “Filhos do Carnaval”, de Cao Hamburger, e nos filmes “Não por acaso” (2006), de Philippe Barcinski, “Ó paí ó” (2006), de Monique Gardenberg, “O passado” (2006), de Hector Babenco e “Salve geral” (2009), de Sergio Rezende.

Nenhum comentário:

Postar um comentário