segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Agosto da Alegria faz ciclo de palestras sobre Sertão e Água

Aspecto interior do Museu do Sertão (Foto: Jaldesmar Costa)
O Agosto da Alegria 2012 faz ciclo de palestras sobre o Sertão e a permanente carência de água.

O ciclo “Conhecimento Popular versus Conhecimento Científico no Semiárido” acontecerá na quinta-feira (23) e sexta (24), às 19h, no auditório da Assembleia Legislativa.

O objetivo do evento é trazer à tona a temática da água e os fatores culturais da relação do homem com o Meio Ambiente no Semiárido.

No Primeiro dia do ciclo, o professor da UERN, Benedito Vasconcelos Mendes, falará sobre “Os Elementos Culturais da Civilização da Seca”. Benedito tem 15 obras publicadas sobre o semiárido. Ainda na quinta, o jornalista Vicente Serejo, falará sobre “Hábitos, Costumes, Tradições e Crenças Sertanejas”.

“Os Benefícios da Transposição do São Francisco para o Rio Grande do Norte”, será o tema abordado, no segundo dia, pelo Coordenador de projetos estratégicos da Secretaria Nacional de Infraestrutura Hídrica, José Luiz de Souza. Em seguida, o assunto será “Os profetas da Chuva de Quixadá-CE” em palestra de Helder Cortez.


Os Profetas da Chuva são, em sua maioria, homens da zona rural do Nordeste Brasileiro que elaboram previsões de tempo e de clima, baseados em elementos da natureza. Eles fazem leitura em plantas, insetos, ventos e nuvens para arriscar palpites. A palestra será proferida pelo Helder Cortez, idealizador do encontro que acontece todo ano na cidade de Quixadá no Ceará, onde os profetas falam da sua previsão de chuva para inverno seguinte.

A programação voltada para o Meio Ambiente será encerrada com passeio ao Museu do Sertão em Mossoró no sábado (25), com viagem prevista para 6h da manhã.

O museu é hoje uma referência para quem quer conhecer e compreender a vida do homem sertanejo. O passeio é uma promoção da Secretaria Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos.

O Agosto da Alegria 2012 é uma promoção do Governo do Rio Grande do Norte com  organização da Secretaria Estadual da Cultura e da Fundação José Augusto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário