quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Mercadante culpa estados por pífio desempenho do Ensino Médio no IDEB
Desempenho pífio do RN e Alagoas preocupam ministro
O ministro de Educação, professor Aloísio Mercadante, jogou a batata quente do fraco desempenho do ensino médio, registrado pelas últimas informações do IDEB (Índice do Desenvolvimento da Educação Básica) para os estados. 

Como é de conhecimento de todos  o Rio Grande do Norte está abaixo da média e disputa com o estado de Alagoas o último lugar. 97% das escolas de ensino médio no País pertencem às redes estaduais de ensino, mas as mais qualificadas são as escolas técnicas e Cefet´s, todas vinculados ao governo federal.

Para Mercadante, existe um imenso desafio pela frente e para melhorar a modalidade de ensino será preciso estruturar primeiramente o currículo. Que para ele, é extenso. São 13 disciplinas, mas tem escola com 19 matérias complementares. É matéria demais.

Outro fator relatado pelo ministro é o número elevado de alunos que estudam no período da noite, que é um horário nada agradável para o desenvolvimento da aprendizagem. Ele também quer que os secretários estaduais de Educação vejam os projetos sinalizados pelo MEC como meios de qualificação. São projetos como o Pronatec e ensino médio inovador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário