sexta-feira, 7 de junho de 2013

Deputado Henrique Alves encampa projeto de segurança com videomonitoramento de áreas comerciais de Natal

Henrique Alves assume apoio a projeto de Segurança
O Sistema Fecomércio/Sesc/Senac apresentou na manhã desta sexta-feira (7), ao presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves, projeto de segurança com videomonitoramento das principais áreas de Natal.

A reunião ocorrida na sede da Fecomércio/RN, no bairro do Alecrim, contou com a presença do secretário de Segurança do RN, Aldair da Rocha, e de empresários e instituições representativas dos setores do Comércio, Serviços e Turismo.

O projeto feito por técnicos da Secretaria de Segurança do RN prevê a instalação de 62 câmeras de vídeo em áreas estratégicas e comerciais nos bairros de Igapó, Petrópolis, Alecrim e Cidade Alta. O custo para a instalação dos equipamentos será da ordem de R$ 6 milhões.

O deputado Henrique Alves encampou de imediato o projeto da Secretaria de Segurança do RN apresentado pela Fecomércio. Disse na oportunidade que o projeto será apresentado, já na próxima segunda-feira (10), ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso, na primeira audiência que concederá na condição de presidente da República do Brasil. "Será a primeira audiência que terei nesse momento singular, em que serei presidente interino", ressaltou.

As áreas comerciais envolvidas no projeto, segundo o presidente da Fecomércio, empresário Marcelo Queiroz, respondem por 44% dos empregos formais do RN. "Estamos de portas abertas, muitas vezes durante as 24 horas do dia e não sabemos se quem nos visita é cliente ou bandido", disse Marcelo Queiroz.

Esse projeto deverá se integrar ao Centro de Operações e Controle da Copa que já está sendo implantado no Centro Administrativo do Governo do Estado, no bairro de Lagoa Nova, e que contará com 200 câmeras instaladas no próprio estádio Arena das Dunas, hotéis e aeroporto. O projeto visando o videomonitoramento para a Copa deverá custar aos cofres públicos o montante de R$ 80 milhões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário