segunda-feira, 26 de agosto de 2013

UFRN negocia parceria com empresa inglesa na área de pesquisa do Petróleo

Reitora e pesquisadores da UFRN conversam com representantes da BG
O grupo de pesquisa de petróleo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) recebeu no último dia 15 (quinta-feira) a visita de representantes do Grupo BG, empresa inglesa de petróleo e gás que já opera no Brasil e está instalando um Centro Tecnológico no Rio de Janeiro.

Os empresários estiveram conversando com a reitora Ângela Paiva, com o pró-reitor de Pesquisa, Valter Fernandes Júnior, e com os integrantes do Grupo de Pesquisa da UFRN na área do petróleo, liderados pelo professor Liacir Lucena.

Os representantes do Grupo BG, Olivier Wambersie, Stephanie Grim Shaw e Layla El Hares, vieram a Natal conhecer o trabalho do Grupo de Pesquisa do Petróleo da UFRN, novos projetos na área e estudar a possibilidade de financiamento.

"A visita corresponde a um desdobramento da Lei do Petróleo. Hoje, a indústria do petróleo patrocina pesquisas de desenvolvimento em universidades e instituições de pesquisa. São recursos de royalties e de uma percentagem da Lei da Participação Especial, do ano de 1998. Essa percentagem incide sobre os campos petrolíferos de maior produção", diz o professor Liacir Lucena, do Grupo de Pesquisa do Petróleo da UFRN.

Dessa Participação Especial, informa Liacir Lucena, 1% tem de ser aplicado em pesquisa. A metade desse 1% tem de ser aplicada nas universidades. A Petrobrás e outras companhias de petróleo dispõem desses recursos. Se não aplicarem em pesquisa, os recursos são recolhidos pela Agência Nacional de Petróleo.

A BG, por sua vez, é uma dessas empresas. Ela é parceira da Petrobrás em alguns campos. Ultimamente, a BG obteve através de Edital áreas para exploração petrolífera nas proximidades da Costa do Rio Grande do Norte. Tem dinheiro e pretende aplicar. Está atrás de bons projetos. 

Projetos que pode encontrar na Universidade Federal do Rio Grande do Norte. A UFRN aparece como parceira ideal e com a experiência exitosa de parcerias internacionais no campo da pesquisa do Petróleo.

O grupo de pesquisa na área do Petróleo da UFRN vem trabalhando com pesquisas, há 15 anos, com duas universidades internacionais de renome: a University British Columbia, no Canadá; e Imperial College London, no Reino Unido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário