terça-feira, 15 de outubro de 2013

Natal: Municípios continuam adotando a ambulacioterapia e superlotando o Walfredo Gurgel

A ambulancioterapia é uma das práticas mais nefastas e mais representativa dos níveis de subdesenvolvimento e de ignorância que continuam assolando o Rio Grande do Norte.

Para os prefeitos de centenas de municípios do RN vale mais comprar ambulâncias para trazer os doentes para o Hospital Walfredo Gurgel em Natal, do que investir em estrutura de saúde e presença de médicos em suas cidades.
Corredores do Walfredo Gurgel

Por incrível que possa parecer, para fazer esse tipo de proeza permanente, os prefeitos contam com o apoio de suas comunidades. A compra de ambulâncias enfeitadas continuam rendendo votos dos incautos.

Divulgação do Governo do RN desta terça-feira (15) mostra que o quadro da ambulancioterapia permanece o mesmo. Nas últimas 72 horas foram registrados no Pronto Socorro Clóvis Sarinho do Hospital Walfredo Gurgel 685 atendimentos e 98 internamentos. Quase metade de pacientes vindos de municípios do interior.

O município de Natal participou desse contingente com 396 pacientes e 65 internamentos.

São números que revelam a fragilidade do atendimento de baixa e de média complexidade por parte dos municípios, incluindo Natal. O atendimento de baixa e média complexidade é de responsabilidade dos municípios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário