quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Ufersa: Projeto de extensão de carcinicultura no Ceará recebe certificado

A Ufersa (Universidade Federal Rural do Semi-Árido) definitivamente não foi criada para se limitar a uma cidade, a uma região, a um estado.

Professor Marcelo Tubarão
A grande estrutura educacional sediada no Rio Grande do Norte vem atuando com êxito no Ceará e seu projeto de extensão de carcinicultura, localizado em Icapuí, recebeu o Certificado de Tecnologia Social.

A entrega, feita pela Comissão de Certificação do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social, aconteceu na quinta-feira (31 de outubro).

O projeto de extensão "Primeira Carcinicultura Comunitária com Licenciamento Ambiental do Brasil" tem a coordenação do professor Marcelo Tubarão, um dos maiores especialistas no assunto na América Latina.

O projeto da Ufersa competiu com mais 1.010 projetos de várias partes do país. Na primeira seletiva, se classificou entre os 192 melhores.

O projeto da Ufersa trata da reestruturação da Fazenda de Camarão Barra Grande, com cinco viveiros, no município de Icapuí, CE.

A reestruturação começou em 2010, como projeto comunitário, e tem a participação de alunos da disciplina "Introdução a Engenharia de Pesca", do curso de Engenharia de Pesca da Ufersa.

 Primeira Carcinicultura Comunitária com Licenciamento Ambiental do Brasil conta com a parceria da Associação dos Criadores de Camarão (ACCI), com a Fundação Banco do Brasil  e a Associação Brasileira de Criadores de Camarão (ABCC).

Nenhum comentário:

Postar um comentário