segunda-feira, 10 de março de 2014

Deputado reacionário do PSDB quer tirar Filosofia e Sociologia das escolas de Ensino Médio

O deputado federal reacionário Izalci Lucas Ferreira, do PSDB, está apresentando proposta na Câmara Federal para eliminar a obrigatoriedade da Filosofia e da Sociologia como disciplinas do currículo do Ensino Médio. Obrigatoriedade aprovada pela Lei nº 11.684 de 2008.

O deputado Izalci Lucas propõe alterar os artigos 9, 35 e 36 da lei 9.394, que trata da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional.

Izalci Lucas repete em sua tentativa o que foi feito pela ditadura militar que, ao chegar ao poder, tratou de tirar Filosofia e Sociologia das escolas.

O deputado reacionário do PSDB tem o mesmo entendimento dos "estrategistas" da ditadura. Ele quer apenas as chamadas disciplinas bem comportadas nas escolas - aquelas arrumadinhas e estáticas.

Para Izalci Lucas e para os militares da ditadura não se pode imaginar disciplinas que tratem do pensamento, do questionamento, da visão mais ampla e aprofundada da realidade e da sociedade.

Alunos de Filosofia Licenciatura da UFRN
O filme proposto pelo deputado reacionário do PSDB já foi visto antes e sabemos até onde levou o Brasil. Filosofia e Sociologia são fundamentais para o exercício do conhecimento, do entendimento, do questionamento, da aprendizagem. 

Não é a toa que toda a base do conhecimento ocidental nasce com a Filosofia, com ela se expande, e com ela interage.

Filosofia e Sociologia são disciplinas formativas que levam o estudante/cidadão a formular seus próprios conceitos sobre a realidade que vê e, se ela não lhe agrada, buscar caminhos para melhorá-la.

Isso pode não agradar ao deputado reacionário Izalci Lucas Ferreira, do PSDB, mas é bom para a nação e para as pessoas que nela vivem.

A Associação dos Professores de Filosofia e Filósofos do Estado de São Paulo emitiu nota de repúdio a proposta do deputado Izalci Lucas datada de 15 de fevereiro de 2014.

Nenhum comentário:

Postar um comentário