sábado, 10 de maio de 2014

Educação do RN em queda livre: Secretaria deverá fechar 75 escolas em 2014

A Secretaria de Educação do RN está preparando estudo para o fechamento de 75 escolas estaduais. As escolas deverão ser fechadas e os alunos e professores existentes, realocados.

O fechamento dessas escolas, que deveriam representar cerca de 11% do total da rede estadual de ensino, representa queda considerável nos números efetivos da Educação pública do Rio Grande do Norte. Já foram fechadas em 2014, 11 escolas de um total de 666 que existiam.

Sala do Isabel Gondim (Joana Lima/TN)
Na reportagem publicada na Tribuna do Norte neste sábado (10), o secretário adjunto da Educação do RN, Joaquim Oliveira apresenta quatro motivos para a queda livre na Educação Estadual: diminuição da taxa de natalidade e menos jovens na população; elevação do poder aquisitivo do povo e mais gente colocando filhos em escolas particulares; mobilidade urbana que faz com que as famílias mudem de endereço (bairros originariamente residenciais vão se tornando comerciais); e o próprio descrédito da escola pública junto ao povo.

Das possíveis motivações da queda livre da Educação do RN, duas devem ser destacadas como de responsabilidade direta do poder público estadual: a busca, mesmo em famílias de baixa renda, pela escola particular, e a desconfiança das pessoas com relação as escolas estaduais.

A coordenadora geral do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do RN (Sinte/RN), Fátima Cardoso, não entende a solução de fechar escolas.“Para nós fechar escola não é a solução. É criar mais um problema. A secretaria está ao invés de construir, destruindo a estrutura da rede”, diz.

A tradicional Escola Estadual Isabel Gondim, no bairro das Rocas, também não vai escapar da onda de fechamento de escolas da Secretaria de Educação do RN. A escola que já foi um dos expoentes da Educação em Natal tem boa estrutura com quadra de esporte, mais de 10 salas de aula, biblioteca, refeitório, e salas de direção e de supervisão. Mas, toda essa estrutura hoje comporta apenas 76 alunos matriculados frequentando as aulas nos três turnos em seis turmas do Ensino Fundamental - do 4º ao 9º ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário