segunda-feira, 16 de junho de 2014

Natal na Copa: Fecomércio e entidades reclamam ao TRT sobre a pequena quantidade de ônibus circulando na cidade

Entidades se renuem na Fecomércio
Nos últimos dias a pauta principal de Natal deixou de ser os jogos da Copa do Mundo, apesar dos esforços da mídia. Por um lado, o desabamento avassalador de encostas do Morro de Mãe Luíza, levando consigo um pedaço de uma rua e metendo medo em moradores de prédios de luxo localizados na parte de baixo, em Areia Preta .Resultado: transtornos, evacuações apressadas e desnudamento de uma cidade mal projetada.

Outro assunto que passa a tomar conta da pauta do dia é a greve dos rodoviários, e a consequente sensível redução da quantidade de ônibus circulando em Natal, em pleno período de jogos da Copa.Hoje mesmo tem o jogo Estados Unidos X Gana, às 19 horas. Redução de ônibus em circulação que também afeta diretamente os negócios do comércio que está percebendo agora que a Copa não era tudo aquilo que se pensava.

Na manhã desta segunda-feira (16), o presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, comandou reunião com representantes de diversas entidades representativas da área do comércio e de serviços, para discutir o assunto da falta de ônibus e das perdas com os limites de horários de atividades das lojas e supermercados durante os jogos.

Nesta terça-feira (17), o grupo vai externar sua preocupação junto ao Tribunal Regional do Trabalho, em audiência marcada com seu presidente, o desembargador José Rêgo Júnior. "Vamos fazer um apelo ao desembargador que faça cumprir a Legislação, mantendo uma parte considerável da frota de ônibus em circulação de forma a reduzir nossos prejuízos enquanto durar a greve dos Rodoviários", afirmou Marcelo Queiroz.

"Estamos em um momento em que deveríamos estar faturando alto. Nos preparamos para a Copa e agora temos que arcar com estes prejuízos, que a forma como a greve vem sendo conduzida, está nos impingindo", disse o diretor da CDL Natal, Afrânio Miranda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário