sexta-feira, 3 de abril de 2015

Informe diz que pesquisadores da UFRN estão entre os mais citados do Brasil

Informe divulgado pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) diz que pesquiadores da instituição estão entre os mais citados do Brasil. Segundo o informe, a lista dos mais citados foi elaborada pelo Webometrics Ranking Web of Universities, em fevereiro deste ano.

O ranking é composto por 3 mil pesquisadores levando em consideração informações declaradas espontaneamente em perfis públicos e observando o número de citações de cada cientista, e o impacto de suas publicações.

Os pesquisadores mais citados da UFRN são do Instituto do Cérebro, órgão vinculado a instituição. O professor mais citado da UFRN, e 107º no país, é Martín Cammarota, na segunda posição na UFRN, e 262º no país, aparece Lia Bevilaqua, e na terceira colocação na UFRN, e 395ª no país, surge Sandro José de Souza. O outro nome de peso do Instituto do Cérebro com posição na listagem é Sidarta Ribeiro, 5º lugar na UFRN, e 927º no Brasil. Estranhamente a UFRN não divulgou o nome de seu quarto  professor melhor posicionado no ranking.

Falta também no informe da UFRN detalhes de como essa pesquisa foi feita e o tipo de citações que são consideradas e seus respectivos pesos.

A Webometrics Ranking of World Universities se denomina como um grupo de pesquisa do Conselho Superior de Investigações Científicas (CSIC), entidade ligada ao Ministério da Educação da Espanha, e uma iniciativa do Laboratório Cybermetrics.

Nenhum comentário:

Postar um comentário