sábado, 31 de outubro de 2015

Governo do RN abre novo concurso para 1.400 vagas para professores e especialistas em Educação

O Governo do Rio Grande do Norte publicou, na edição do Diário Oficial desta sexta-feira (30), o edital do concurso público para contratação de 1.400 professores efetivos e especialistas em educação. Para maiores informações, os candidatos devem acessar o edital clicando aqui

As inscrições começam no dia 9 de novembro e seguem até o dia 7 de dezembro. São oferecidas 174 vagas para especialista em educação; 38 para professore de arte; 89 para professor de música; 56 para professor de ciências biológicas; 56 para professor de educação física; 17 para professor de filosofia; 41 para professor de física; 54 para professor de geografia; 53 para professor de história; 18 para professor de espanhol, 37 para professor de inglês; 108 para professor de português; 72 para professor de matemática; 178 para pedagogo; 140 vagas para intérprete de libras; 60 vagas para professor de libras; 146 vagas para pedagogo com especialização em educação especial; 28 vagas para professor de química; 16 para professor de religião e 19 para professor de sociologia.

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Portal Aluno Nota 10: Ensino de qualidade chegando em todos os lugares

Aulas de alto nível ao alcance de todos
Por Isaias Oliveira
Matéria publicada na Revista Foco Nordeste

Oferecer educação de qualidade com professores renomados, com total abrangência de conteúdos em todas as disciplinas que formam as áreas do conhecimento, e em qualquer lugar e a qualquer hora.

Este desafio, imposto ao longo de tempo, está sendo respondido através da disponibilização de um a estrutura que reúne os mais modernos avanços tecnológicos e um time de professores de ponta em História, Geografia, Matemática, Biologia, Química, Física, Literatura, Redação, Línguas, Filosofia e Sociologia.

O Portal “Aluno Nota 10” (alunonota10.com) está levando o ensino de qualidade, com abrangência de conteúdos, a todas as partes e a qualquer momento, via internet, promovendo uma verdadeira democratização da educação. Com isso, alcança ambientes nos mais distantes lugares do Nordeste e do país, nos quais as pessoas não teriam acesso a um ensino de qualidade pelas vias convencionais.

O Portal “Aluno Nota 10” oferece mais de 15.000 minutos de aulas gravadas com professores experientes, reconhecidos e qualificados, nas disciplinas que fazem parte do ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) e dos concursos para ingresso nas escolas técnicas federais. São professores como Josivan Monte, de Literatura; Iara Concentino, de Química; Antônio Holanda, de História; Eric e Fininho, de Biologia; Rauni e Peres, de Física.

O Portal oferece os conteúdos das disciplinas devidamente seqüenciados com exercícios e material didático (apostilas em pdf e slides). O caderno de exercícios oferecido a cada final de aula tem correção automática. O próprio ambiente virtual também disponibiliza um caderno on-line para anotações individuais do aluno.

Todas as aulas apresentam vídeo de aulas ministradas diretamente pelos professores com slides sincronizados ensejando um ambiente amigável, agradável e, consequentemente, de fácil assimilação e compreensão.

Para medir o aprendizado dos estudantes nas matérias dadas no decorrer dos cursos, o Portal realiza simulados agendados antecipadamente. Em um dos últimos feitos, mais de 30 mil alunos estiveram participando em diversas regiões do país.

O Portal “Aluno Nota 10” se encontra no AVA (Ambiente Virtual de Aprendizagem) e tem capacidade infinita de armazenamento, trabalhando com um dos maiores servidores do mundo, a Amazon.

Os conteúdos do Portal, para o ENEM e para os exames das escolas técnicas federais, podem ser adquiridos individualmente, através do próprio site na internet, a um baixo custo mensal (em termos anual ou semestral). Podem também serem adquiridos de forma coletiva por órgãos e instituições, como prefeituras, câmaras municipais, sindicatos, associações, empresas e governos.

Um exemplo de sucesso em aquisição coletiva dos conteúdos do Portal “Aluno Nota 10” está acontecendo em Guamaré, na região salineira do Rio Grande do Norte. Naquela cidade, o Portal atua junto à Câmara Municipal em projeto de inclusão e progresso social pela via da educação. O projeto “Câmara do Saber” tem dois contêineres situados no centro da cidade, dentro dos padrões de sala da aula, devidamente climatizados, com 20 máquinas, oferecendo acesso direto aos estudantes aos conteúdos do Portal “Aluno Nota 10”.

Em termos individuais, muitos estudantes estão procurado e contratando os conteúdos do portal a partir da decisão dos pais. “O público principal tem sido o de pais de alunos que, ao tomarem conhecimento, assinam com o portal”, diz Vitor Emílio de Gois, diretor e um dos fundadores do Portal “Aluno Nota 10”. Os diretores do portal ressaltam também a maior procura existente nos estados do Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo.

O Portal “Aluno Nota 10” também disponibiliza a poderosa ferramenta tecnológica para a transmissão de conhecimentos fora de seu eixo principal, ENEM e exames das escolas técnicas federais. Empresas e instituições interessadas podem usar a estrutura do portal para a transmissão de mini-cursos, cursos, palestras e aulas de natureza profissionalizante para os mais variados lugares.

Em todo lugar e de várias maneiras

O estudante pode acompanhar as aulas e conteúdos do Portal “Aluno Nota 10” em todo o lugar e das mais variadas maneiras. Pode acompanhar pelo computador, notebook, tablet e celular (através de aplicativo móvel). “Em qualquer que nosso estudante esteja, tendo acesso a internet, ele pode acompanhar nossos conteúdos”, ressalta Denner Navarro, sócio-diretor e fundador do Portal.

O Portal “Aluno Nota 10” surgiu em 2011 pelas mãos de dois jovens empreendedores interessados na utilização das novas tecnologias no processo educacional: Vitor Emílio de Gois e Denner Navarro. A dupla de empreendedores teve como forte aliado o professor e empresário no ramo da educação, José Ferreira de Gois.

 “O objetivo inicial do portal era trazer o aluno para mais perto da escola com conteúdo útil pela internet”, conta Vitor Emílio.

O Portal conta com estúdio com modernos equipamentos para a disponibilização de aulas gravadas com qualidade digital. No estúdio do “Aluno Nota 10” são gravadas aulas todos os dias, o que faz com que o conjunto de conteúdos esteja sempre em crescimento.

O projeto “Portal Aluno Nota 10”, por sua criatividade e amplitude educacional com ensino de qualidade, foi um dos destaques em concurso nacional que premia as iniciativas empreendedoras mais inovadoras e eficazes no campo da Educação. O projeto do portal ficou entre os cinco melhores do Brasil no concurso “Desafio Brasil Estácio”, edição de 2013.

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

UFRN: Grupo de estudos desenvolve painel de energia solar de baixo custo

O Grupo de Estudos em Tribologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) está trabalhando em projeto que visa o desenvolvimento de painel de energia solar de baixo custo. O Projeto de Inovação em Energia Solar (PIES) conta também com a parceria da Incubadora de Processos Acadêmicos, Científicos e Tecnológicos Aplicados (InPacta) da Escola de Ciências e Tecnologia (ECT).

Segundo o sócio da InPacta, Francisco Laércio, a ideia é usar as variações de temperatura ao longo do dia para produzir uma diferença de potencial elétrico, transformando assim energia térmica em elétrica. Isso significa que a energia seria gerada tanto de dia, quando há exposição solar, quanto à noite.

Para isso, foi desenvolvido um captador constituído de uma parte interna de níquel, cobre ou xelita, para absorver energia, e uma parte externa de politereftalato de etileno (mais conhecido como PET, material usado, por exemplo, na fabricação de garrafas de refrigerante) pulverizado, para funcionar como isolante térmico. Armazenada em uma bateria de nobreak, a energia captada pode ser transferida invertendo-se a polarização de seu sistema.

Construído com níquel, a opção mais economicamente rentável, e PET, de custo zero, esse painel solar custa aproximadamente R$ 60, bem mais barato que o painel fotovoltaico de uso doméstico, cujo preço é de cerca de R$ 350.

Sua produção também contribuiria para o desenvolvimento sustentável, uma vez que recicla PET e, consequentemente, economiza recursos naturais, água e energia, e oferece uma alternativa a formas de geração de energia de maior impacto ambiental, como termelétricas e hidrelétricas.

Atualmente em fase de testes, o projeto deve entrar em breve em sua segunda fase, na qual o captador será automatizado para inclinar-se de modo a absorver o máximo de energia solar conforme sua geolocalização, usando o Sistema de Posicionamento Global (GPS). Isso é necessário porque enquanto em Natal a luz solar incide quase perpendicularmente, situação ótima para a absorção de energia, em localidades mais ao sul ou ao norte da linha do Equador, o ângulo de incidência é mais oblíquo e há mais dispersão atmosférica.

quinta-feira, 22 de outubro de 2015

UFRN: Congresso que reúne Economia, Sociologia, Filosofia e Psicologia recebe pesquisadores de 13 países

O "5º Congresso Internacional de Direito, Filosofia, Economia, Sociologia, Psicologia e Educação em um mundo global" recebe pesquisadores de 13 países do continente americano. O evento, iniciado na terça-feira (20) acontece no auditório do Hotel Pestana, na Via Costeira, em Natal, até sexta-feira (23).
Francisco Caballero Harriet
O evento é promovido pela Universidad del País Vasco (UPV), sob a coordenação do Instituto Internacional de Humanidades e Ciências Aplicadas da UFRN, e dirigido pelo professor de Direito, Djason Barbosa Della Cunha.

Antecedendo a conferência de abertura, a vice-reitora de Pós-Graduação e Relações Internacionais da Universidade del País Vasco (UPV), 

Nekane, Balluerka Lasa, falou sobre a necessidade urgente de se estabelecer uma convivência cultural e científica entre os povos, a partir de um mundo acadêmico inovador.

Na mesma linha, o presidente do 5º Congresso Internacional, Francisco Javier Caballero Harriet, falou sobre a educação para a autonomia como um passo essencial para convivência social e a verdadeira democracia intercultural.

Sob o tema “Reflexões para uma convivência cultural comunicativa”, 82 trabalhos estão sendo apresentados nos 12 painéis durante os três dias do evento.

sábado, 17 de outubro de 2015

Natal: Escola Estadual Zila Mamede tem reforma concluída e aulas normalizadas

Zila Mamede: aulas normalizadas (Foto: Danilo Bezerra)
Uma das mais tradicionais escolas da Zona Norte de Natal tem obras de recuperação do teto e de restauração da instalação elétrica. Essa é a primeira reforma feita na Escola, localizada no Conjunto Pajuçara, desde a sua inauguração, em de maio de 1986.

A reforma, ocorrida em sua primeira etapa, responde as reivindicações da comunidade escolar e moradores do bairro, que se reuniram com os gestores da Educação do RN solicitando medidas imediatas para a solução de históricos problemas no teto do estabelecimento de ensino e em sua instalação elétrica.

A gestão da Educação do RN assumiu o compromisso de resolver de imediato os dois problemas que prejudicavam o andamento das aulas na Escola Zila Mamede.

As obras de reforma, iniciadas no dia 13 de julho deste ano, sob a supervisão da Subcoordenadoria de Manutenção e Construção Escolar da Secretaria da Educação do RN, foram concluídas no mês de setembro. Os serviços foram feitos pela Worker Empresa de Construções num investimento de R$ 180 mil reais.

Com a reforma, as aulas que estavam suspensas devido a realização dos serviços de reforma do teto e da rede elétrica, já estão normalizadas e o calendário com os 200 dias letivos será cumprido.

Em uma outra etapa serão feitos o melhoramento da acessibilidade para portadores de necessidade e a pintura do colégio e a recuperação das esquadrias.

A Escola Estadual Zila Mamede atende a mais de mil alunos matriculados no Ensino Fundamental, e Médio, residentes em sua maioria nos conjuntos Pajuçara, Parque das Dunas, Santarém, Brasil Novo, Gramorezinho e Gramoré, localizados na Zona Norte de Natal.

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Feira de Livros e Quadrinhos de Natal é aberta nesta quinta-feira (15)

Bate papo com o cantor  Leoni (Foto: Thalita Freitas)
Por Thalita Freitas

A 5ª Feira de Livros e Quadrinhos de Natal (FLiQ) tem abertura na noite desta quinta-feira (15), na Cidade da Criança, bairro do Tiro., em Natal.

Uma das atrações da abertura do evento foi o cantor, compositor e escritor Leoni, ex-integrante da Banda Kid Abelha. Leoni participou de um bate papo aberto aos presentes com o produtor cultural Anderson Foca e o escritor Carlos Fialho. O tema da conversa foi voltado para música e literatura, e as novas possibilidades da era digital.

Na oportunidade, o secretário da Educação do RN, professor Francisco das Chagas, destacou a presença da pasta como parceria do evento e o investimento de R$ 500 mil do Governo feito para que as escolas estaduais adquiram novos livros para seus acervos durante a Feira de Natal.

A FliQ é um espaço que mistura livros, exposições, jogos, oficinas e palestras. Para as escolas da rede estadual de ensino a feira é um momento para a ampliação de seu acervo literário.

Os visitantes da feira poderão também entrar em contato com o trabalho de chargistas potiguares conhecidos nacionalmente, como Rafael Coutinho, um dos melhores quadrinistas do Brasil, que lançará durante o evento "O Beijo Adolescente".

Natal: Governador Robinson Faria assina progressão salarial para mais de 11 mil professores do RN

Assinatura da progressão salarial (Foto: Demis Roussos)
O governador Robinson Faria faz anúncio da concessão de progressão salarial horizontal de duas letras para 11.321 profissionais do magistério e especialistas da Educação em solenidade na manhã desta quinta-feira (15), na data comemorativa do Dia do Professor. Em nove anos da implantação da lei de promoção e progressão salarial, no ano de 2006, apenas 03 letras tinham sido concedidas.

Na solenidade, o governador também assinou o decreto 25. 585/2015 que dispõe sobre o funcionamento da Comissão que vai tratar de Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos servidores da Secretaria de Educação. “A minha palavra é de dever cumprido, porque hoje é um dia histórico. Mineiro (deputado Fernando Mineiro, presente ao evento) me disse que nunca tinha visto um Dia dos Professores tão festivo como o de hoje. E isso se dá porque nosso Governo teve a preocupação devida e deu importância ao pleito dos professores”, disse Robinson Faria em seu discurso.

O governador Robinson Faria destacou também o reajuste salarial de mais de 13% concedido aos profissionais da Educação. Robinson Faria fez ainda referência ao desempenho da atual gestão da Educação do RN. “A gestão da Educação é uma grande revelação no nosso governo”, ressaltou.

O secretário Estadual da Educação, Francisco das Chagas Fernandes, apresentou na oportunidade várias ações da pasta voltadas para a valorização dos professores e servidores: concessão de 781 aposentadorias, 1.000 licenças, chamada de 1.227 novos professores concursados; 721 renovações de professores temporários; e chamada de 167 novos professores temporários.

Chagas Fernandes também falou da realização de novo concurso para professores com a inclusão de vagas em Artes, Música, e Libras.

A progressão é a elevação da classe de vencimento do cargo público ocupado pelo professor ou especialista, por meio da avaliação dos servidores. Segundo Francisco das Chagas Fernandes, a comemoração do dia dos professores em 2015 é feita com a certeza de que a valorização do profissional da Educação do RN deixou de ser apenas uma perspectiva, ela é uma realidade.

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

5ª Feira de Ciências do Semiárido: Escolas estaduais e primeiro astronauta brasileiro são destaques na abertura

Solenidade de abertura da Feira no Expocenter
A 5ª Feira de Ciências do Semiárido Potiguar tem abertura marcada pela presença do primeiro astronauta brasileiro, Marcos Pontes, e por inovadoras apresentações de trabalhos científicos de alunos de escolas estaduais do Rio Grande do Norte.

A Feira foi foi aberta oficialmente na manhã da quinta-feira (8) com as presenças do reitor da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa), José Arimatea de Matos, e do subsecretário da Educação do RN, Domingos Sávio de Oliveira. O evento, que teve visitações iniciadas na quarta-feira (7) prosseguiu até a sexta-feira (9), em estrutura armada no Expocenter, Campus Leste da Ufersa Mossoró.

A Feira reúne estudantes de escolas públicas estaduais dos mais diversos municípios do Rio Grande do Norte. 226 trabalhos vão concorrer a classificação e premiação para a Feira Brasileira de Ciência e Engenharia – Febrace – que acontecerá em São Paulo e, a edição internacional em Londres, na Inglaterra. 

Com o tema na edição deste ano "Faça uma pergunta e mude a sua vida", a Feira de Ciências do Semiárido Potiguar procura motivar estudantes da rede pública para o desenvolvimento de trabalhos de pesquisa nas diversas áreas científicas.

Dando provas mais uma vez de que a atividade científica já é parte efetiva na vida de alunos e professores de várias escolas estaduais do Semiárido do Rio Grande do Norte, os principais destaques do evento ficaram por conta dos projetos de pesquisas apresentados. São projetos desenvolvidos nas áreas de saúde, meio ambiente, educação, comunicação e tecnologia.

Estação de TV criada a partir de sucatas
Projetos variados como brinquedos feito com sucatas, uso de casca de frutas na produção de gás natural, produção de energia eólica em comunidades rurais, uso de resina do cajueiro na produção de cola natural, uso do aplicativo WhatsApp no estudo do inglês, e uma estação de televisão, a TV na Escola, criada a partir de sucatas.

Destaque na Feira, a Estação de TV criada a partir de reciclagem de sucatas é uma iniciativa científica dos estudantes Francisco José Mesquita da Silva e José Jalisson Souza da Silva, concluintes do Ensino Médio, da Escola Estadual Walfredo Gurgel, município de Antônio Martins, no Médio Oeste do Rio Grande do Norte. “Observamos que os recursos que a nossa televisão dispõe não estava despertando o interesse dos estudantes, então, decidimos construir a nossa própria estação de tevê”, afirmou Francisco José.

A emissora, que tem alcance de 150 metros, abrange toda a área da escola e pode ser acessível pelo celular. “É muito bom expor o nosso trabalho e trocar experiências com outros estudantes”, disse o estudante José Jalisson Souza. A produção da Teve Escola de Antônio Martins-RN, pode ser acessada pelas redes sócias: Youtube e Facebook.

Astronauta Marcos Pontes
“É a pesquisa científica sendo realizada desde a educação básica, num espaço que promove a construção de novos saberes”, afirmou a professora da Ufersa, Cristiane Carvalho, coordenadora da V Feira de Ciências do Semiárido Potiguar. 

Para o subsecretário da Educação do RN, professor Domingos Sávio de Oliveira, a grande feira de ciências do Semiárido Potiguar vem evidenciar o que está acontecendo no ambiente de inclusão social e de protagonismo da juventude que é propiciado pela escola pública estadual. "O ambiente de iniciação científica é um fato que está se consolidando na escola estadual", diz Domingos.

A abertura do evento também contou com palestra do primeiro astronauta brasileiro, Marcos Pontes, que falou de sua trajetória de menino humilde e do esforço pela educação que o levou até a uma missão espacial da NASA no ano de 2006.

A 5ª Feira de Ciências do Semiárido Potiguar é uma realização feita pela parceria da Ufersa com a Secretaria da Educação do RN e a Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN).

Jerns 2015: Governador faz abertura da etapa final em Natal

Abertura dos Jerns 2015, em Natal
A etapa final 45ª edição dos Jogos Escolares do Rio Grande do Norte (Jerns) é aberta pelo governador Robinson Faria em solenidade festiva com a participação de centenas de atletas/alunos de escolas públicas e particulares de todo o Estado. A solenidade de abertura foi realizada na tarde desta sexta-feira (9), no Ginásio Marcelo de Carvalho (DED), no bairro de Candelária, em Natal, com a presença do secretário da Educação do RN, Francisco das Chagas Fernandes. 

Os Jerns, considerados o maior evento do gênero no país, é uma realização da Secretaria da Educação do RN, através da Coordenadoria de Desportos (Codesp). 

A programação de abertura teve o desfile de escolas participantes da etapa final do certame. O acendimento simbólico da pira foi feita pelo estudante Pedro Iago, da Escola Estadual Querubina Silveira, de Cerro Corá, campeão mundial dos 100 metros com barreira dos jogos escolares realizados na China, neste ano. 

O juramento foi feito por Bela Maria, três vezes atleta ouro dos Jerns e campeã no futsal nos Jogos da Juventude para atletas de 12 a 14 anos. O encerramento da solenidade se deu com uma demonstração de jiu-jitu com representantes da academia Kimura Nova União, sob orientação de Jair Lourenço. A “arte suave” deverá ser incluída nos Jerns a partir de 2016. 

Na abertura, também foi prestada homenagem ao professor Manoel Modesto pelos 45 anos de serviço ao esporte potiguar. 

A etapa final dos Jogos acontece até o dia 30 deste mês. Foram classificadas para a etapa final 460 escolas de todas as regiões do Estado nas fases regionais. O evento contará com aproximadamente 10 mil atletas/alunos disputando as modalidades esportivas. 

Dentre as modalidades estão atletismo, badminton, basquete, capoeira, ciclismo, futebol, futebol de areia, futebol society, futsal, ginástica aeróbica, ginástica artística, ginástica rítmica, handebol, handebol de areia, judô, karatê, luta olímpica, nado sincronizado, natação, surf, taekwondô, tênis de mesa, vôlei, vôlei de duplas e xadrez. 

Robinson Faria destacou a participação e adesão dos jovens no maior evento esportivo do RN e um dos maiores do Brasil. “Os jogos escolares são muito importantes porque neles são exercitados também valores como honestidade, lealdade e companheirismo”, declarou.

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Natal: Etapa final da 45ª edição dos Jerns começa nesta sexta-feira (9)

Jerns mobilizam atletas de todo o RN
Os Jogos Escolares do Rio Grande do Norte (Jerns), considerados a maior competição esportiva do gênero no país, tem abertura da etapa final da edição 2015 nesta sexta-feira (9), às 16h, no Ginásio Marcelo Carvalho (DED), em Candelária, Natal. A concentração acontece no pátio do ginásio.

A programação tem início com desfile dos colégios participantes e apresentação cultural com demonstração de atletas da modalidade de jiu-jitsu que deverá ser incluída na competição a partir de 2016.

A etapa final dos Jerns, que está em sua 45ª edição, acontecem no período de 9 a 30 deste mês. Foram classificadas para a etapa final 460 escolas de todas as regiões do Estado nas fases regionais. O evento contará com aproximadamente 10 mil atletas/alunos disputando as modalidades esportivas.

Estarão em disputa as modalidades de futebol de campo, voleibol de quadra, futebol society mirim, handebol, badminton, basquete, handebol, handebol de areia, futebol society infantil e juvenil. Natação, karatê, taekwondo e tênis de mesa, nado sincronizado, voleibol de areia, futsal masculino, ginástica aeróbica, ginástica artística, futebol de areia, futsal feminino, atletismo, judô, xadrez, ginastica rítmica, surf e ciclismo.

As disputas serão realizadas nos principais ginásios de esportes de Natal - IFRN, Quartel de Polícia, Escola Doméstica, Colégio das Neves, CEI, CEI Romualdo Galvão, CEC, FACEX, Colégio Marista, UFRN, Aero Clube, DED, Colégio Maristela, CAIC de Lagoa Nova, Contemporâneo. As competições de Futsal Masculino serão realizadas na cidade de Nova Cruz e o Surf na Praia de Ponta Negra.

Os atletas das escolas interioranas ficarão hospedados nas instalações físicas da Pousada do Atleta, no CAIC de Lagoa Nova. Está garantida a alimentação para escolas municipais, estaduais e particulares.

Estão disputando a etapa final as escolas e atletas classificados nas regionais dos Jerns que aconteceram nas diversas regiões do Estado. Foral realizadas as regionais de Nova Cruz, Santa Cruz, Parnamirim, São Paulo do Potengi, Umarizal, Pau dos Ferros, Caicó, Currais Novos, João Câmara, Natal (Futsal), Assu e Macau.

Os jogos serão paralisados quando das realizações dos exames do IFRN de Natal, no dia 18 de outubro e ENEM entre os dias 24 e 25 do mesmo mês.

Os Jerns são uma realização do Governo do Estado através da Coordenadoria de Desporto da Secretaria da Educação e da Cultura (SEEC).

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

SESC oferece 570 vagas gratuitas para cursos profissionalizantes no RN

SESC Cidade Alta, Natal
O SESC do Rio Grande do Norte está oferecendo 570 vagas gratuitas para cursos profissionalizantes. As vagas estão distribuídas para turmas em Natal, Mossoró, Caicó e Currais Novos.

As inscrições começam nesta quarta-feira (7) e prosseguem até o dia 21 deste mês, Neste mesmo período ocorre o processo seletivo que leva em consideração as informações prestadas no ato de inscrição.

A lista com os aprovados será divulgada no dia 29 de outubro (quinta-feira) no site do Sesc RN, e as aulas têm início a partir do dia 03 de novembro. O edital com todas as informações encontra-se no site do SESC/RN.

As vagas oferecidas nos cursos do SESC (Serviço Social do Comércio) fazem parte do Programa de Comprometimento e Gratuidade (PCG) adotado pelo Sistema Fecomércio RN. Estão oferecidas vagas em 16 opções de cursos em áreas variadas, como gestão financeira, cerimonial, protocolo, Excel e culinária.

Os cursos gratuitos são dirigidos a comerciários e seus dependentes, e estudantes de escolas públicas cuja renda familiar mensal não ultrapasse três salários mínimos nacionais. No ato da inscrição, o candidato deve  levar os documentos originais (com cópias): RG ou certidão de nascimento, CPF, comprovante de residência (com emissão inferior a 60 dias) e de escolaridade, e ainda, caso necessário, documento que comprove deficiência física ou mental. 

Também deverá ser entregue a autodeclaração de renda familiar e o questionário socioeconômico. Caso o interessado em fazer o curso seja menor de idade, deverá estar acompanhado do responsável.

sábado, 3 de outubro de 2015

São José de Mipibu: Alunos de escola estadual aprendem com produção em horta didática

Horta escolar com protagonismo dos alunos
(Fotos: Danilo Bezerra)
Por Jorge Ivan Barbosa/Danilo Bezerra

A Educação que abre horizontes e que se estende proporcionando ações de protagonismo e experiências que servirão para toda uma vida. A rede pública de ensino tem exemplos concretos de avanços na educação que possibilita a união do protagonismo que faz ao saber adquirido pela via da educação.

A Escola Estadual Rafael Garcia, localizada no Bairro Novo, no município de São José de Mipibu, pode ser vista como uma demonstração efetiva de abertura de horizontes para crianças e jovens pela via de um conhecimento de saber prático que se materializa na integração com a natureza. Ela possui uma colheita agrícola regular para a produção de alimentos para o consumo dos seus alunos. É uma realidade que diariamente se reafirma no ambiente escolar que envolve professores, estudantes, pais de alunos e moradores da comunidade.

A colheita vem de uma horta de caráter didático plantada no terreno próprio da Escola medindo aproximadamente 200 metros quadrados. Nela, dois agricultores ensinam os alunos a utilizarem os instrumentos de plantio como pás, enxadas e adubos orgânicos para fertilização do solo, e depois mostram como se faz o plantio das verduras e hortaliças.

Os gêneros alimentícios provenientes da horta são utilizados na confecção da merenda escolar. Beterraba, couve-flor, coentro, mandioca, batata doce, abóbora, tomate, feijão verde, macaxeira, maracujá, cenoura, banana da terra e pepino, são plantados na horta escolar e , posteriormente colhidos, e servidos aos alunos matriculados regularmente na escola.

A diretora da escola, Geane D’arc Freire da Silva, mostra que a produção, que tem caráter didático, tem ajudado significativamente na economia no momento de compra dos produtos usados na merenda dos alunos. “A economia chega em torno de 20% no valor que é gasto na compra dos ingredientes da merenda”, declarou a diretora.

O saber da agricultura reforça didática
Dois agricultores e uma professora que atua na Rede Estadual de Ensino por meio do Mais Educação, programa do Governo Federal, são os responsáveis pelas aulas teóricas e práticas dos estudantes sobre a agricultura familiar. As aulas são ministradas duas vezes na semana e os agricultores preparam a terra para o plantio. O projeto da colheita teve início no ano de 2014.



Ianka Souza, estudante de pedagogia, é a professora responsável pela oficina de agricultura. Filha de agricultores, ela conviveu desde cedo com a vida na roça e por meio do Mais Educação ensina aos seus alunos tudo aquilo que aprendeu quando criança. “A horta é o espaço onde muitos dos estudantes podem aprender a lidar com algo que é produtivo e acessível para eles. Muitos conhecimentos são levados para casa e aplicados em hortas familiares”, disse a professora.

Segundo o agricultor e orientador do projeto de colheita, José Barbosa da Silva, 60 anos, os alunos ficam contentes em participarem da colheita da horta. Ele cita o exemplo, da alegria permanente dos alunos Raul Inácio de Lima e Arthur Gomes Soares ao participarem da retirada de um pé de macaxeira da plantação: “É a parte final de todo um caminho, que vai de arrumar o solo à colheita”.

A escola Rafael Garcia possui uma clientela de 270 alunos matriculados do terceiro ao nono ano do ensino fundamental e outros 120 estudantes no ensino médio no anexo que funciona no CAIC Hilton Gurgel localizado em São José de Mipibu.

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

UFRN promove a 7ª Semana de Licenciatura em Dança

Christine Greiner
A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) está promovendo a 7ª Semana de Licenciatura em Dança no período de 5 a 9 deste mês. O evento, que é uma realização do Departamento de Artes, do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (Cchla), acontece no campus central da UFRN, em Natal, a partir das 16h, nas salas “A”, “B”, “R” e 28 do Deart.

O evento tem como tema: “As linguagens possíveis. O vocabulário em ação”.

Terá reuniões de espetáculos, workshop e conversas sobre as linguagens possíveis em dança.

O projeto contará com a participação de Christine Greiner, professora da PUC-SP; do coreógrafo e diretor artístico Debi Irons, dos EUA; dos professores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Candice Didonet e Guilherme Schulze; e da professora da Universidade de São Paulo (USP), Rosa Primo.

Maiores informações podem ser encontradas na página do evento.