quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Natal: Jerns 2016 tem abertura da fase final no dia 17 de outubro

Por Jorge Ivan Barbosa

Os Jogos Escolares do Rio Grande do Norte (Jerns), considerados o maior certame estudantil do gênero no país, tem a fase final de sua 40ª edição iniciada no dia 17 de outubro, em Natal. A solenidade de abertura começa às 9h com desfile das delegações participantes no Ginásio de Esporte Marcelo Carvalho (DED), localizado no bairro de Candelária.

A competição irá reunir 13.119 alunos, atletas de 490 escolas estaduais, federais, municipais e particulares do interior do Estado e da capital da cidade de Natal, Elas disputarão até o dia 28 de outubro, 25 modalidades esportivas entre as quais, basquete, voleibol, futsal, natação, atletismo, futsal, judô, karatê, xadrez, voleibol de duplas, handebol, tênis de mesa, futebol society, futebol de areia e ginastica rítmica.

As fases regionais classificatórias dos jogos aconteceram em agosto e setembro deste ano, envolvendo alunos/atletas das Regionais de Currais Novos, Nova Cruz, Caicó, Umarizal, Apodi, João Câmara, Mossoró, Macau, São Paulo do Potengi, Santa Cruz, Pau dos Ferros, Parnamirim e Assu.

Foram classificadas para a fase final de Natal, as equipes campeãs nas modalidades coletivas e os primeiros e segundo lugares nas provas individuais.

6 mil atletas, dirigentes e técnicos das equipes classificadas oriundas de municípios do interior do Estado terão hospedagem oferecidas pelo Governo do Estado nas dependências da Pousada do Atleta, localizada no CAIC Lagoa Nova.

Os congressos técnicos das modalidades esportivas foram realizados nos dias 27 e 28 de setembro, na sede da Coordenadoria de Desporto (Codesp) da Secretaria da Educação do RN, no Centro Administrativo do Estado, em Natal.

Este ano, uma das novidades dos Jerns, será a realização de competições no tradicional Palácio dos Esportes, localizado no bairro de Petrópolis, cedido pela Prefeitura de Natal. As outras novidades são a volta do título de campeão geral da competição e o desfile de abertura que passa a contar pontos para os jogos.

Os Jerns são uma realização do Governo do Estado por meio da Coordenadoria de Desporto da Secretaria de Educação e da Cultura.

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Natal: Instituto Compartilhar e Secretaria da Educação promovem Clínica de Mini-Voleibol

Por Jorge Ivan Barbosa

Parceria entre o Instituto Compartilhar e a Coordenadoria de Desporto da Secretaria da Educação do RN realiza Clínica de Mini-voleibol no período de 07 a 08 de outubro, em Natal. A clínica está oferecendo 80 vagas para estudantes e professores de Educação Física e ocorrerá nos turnos matutino e vespertino, com duração de 16 horas/aula.

As aulas teóricas acontecerão nas dependências da Universidade Potiguar (UnP), da avenida Senador Salgado, bairro de Lagoa Nova, e as aulas práticas ocorrerão no Núcleo Natal Volley Clube, na avenida Nascimento de Castro, em Dix-sept-Rosado.

O Instituto Compartilhar, com sede em Curitiba (PR), atua na formação de novos atletas oriundos de escolas estaduais e municipais. Os participantes do curso receberão diplomas assinados pelo treinador da seleção masculina de Voleibol do Brasil, Bernardo Rezende (Bernardinho), campeão dos Jogos Olímpicos realizados recentemente no Rio de Janeiro.

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Museu de Ciências Morfológicas da UFRN é um dos principais da América Latina

Acervo chama a atenção de estudantes
O Museu de Ciências Morfológicas (MCM) do Centro de Biociências da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) é reinaugurado na condição de ser um dos mais importantes da América Latina e como integrante de um dos guias mais importantes do Continente: o “Guide Centres and Science Museums in Latin America and the Caribbean”.

O Museu de Ciências Morfológicas, localizado no Campus Central da UFRN, em Natal,  possui um importante acervo de Anatomia Humana com representações de peças de todos os sistemas do corpo humano, e do desenvolvimento embrionário. O espaço possui ainda uma sala com o acervo de Anatomia Comparada, com animais da fauna do Rio Grande do Norte, organizados evolutivamente.Outra importante novidade na reinauguração, a sala com o Museu do Mar, conta com diferentes animais marinhos, desde invertebrados até grandes cetáceos. 

A nova estrutura do Museu de Ciências Morfológicas já está aberta para visitação. O local passa a oferecer visitas previamente agendadas, para grupos de estudantes e professores do ensino fundamental e médio. As visitas são monitoradas por graduandos dos cursos de ciências biológicas, da saúde e agrárias da UFRN, treinados pelos pesquisadores do museu, sobre os grandes temas da Morfologia, bem como sobre abordagens didático-pedagógicas.

Estudantes se surpreendem na visita
“Até o momento, atendemos a 347 escolas de ensino fundamental ao profissionalizante, com cadastro efetivado e que continuamente realizam visitas em grupos para complementar as aulas de ciências. Além disso, o museu promove o treinamento de professores do sistema educacional, no intuito de melhorar o aproveitamento das visitas escolares ao museu, e capacitá-los para produção de peças e modelos anatômicos, que possam ser utilizados em suas escolas”, lembra a professora Cristina Camilo, vice-diretora do Museu.

Para os acadêmicos extensionistas da UFRN, o MCM possibilita a oportunidade de conviver com a realidade social e a prática profissional, além de realizar um exercício de cidadania ao compartilhar com outros, os conhecimentos técnico-científicos adquiridos em sala de aula, em laboratórios de ensino e pesquisa.

Alunos da UFRN falam para estudantes visitantes
O MCM desenvolve projetos de extensão, coordenados por professores do Departamento de Morfologia. Alguns exemplos são o Museu Itinerante de Morfologia: Levando Ciência ao RN; Brinquedos e Brincadeiras no Museu de Ciências Morfológicas da UFRN; Desvendando os mistérios do desenvolvimento embrionário; O museu de Ciências Morfológicas vai ao Parque da Cidade e Histologia: proximidades e assimetrias concretas entre a ciência e a arte. O museu, também funciona como laboratório para professores da UFRN com sua utilização em aulas práticas de suas disciplinas e no desenvolvimento de pesquisas.


Visita

O Museu de Ciências Morfológicas está funcionando de segunda a sexta-feira nos horários de 7h às 12h e de 13h às 17h. As visitas devem ser agendadas com antecedência pelo telefone (84) 3215-3431.

História

O Museu de Ciências Morfológicas da UFRN teve projeto de criação elaborado por professores que atuam na área no ano de 2005.O projeto foi submetido e aprovado pela Secretaria Nacional da Ciência e Tecnologia para Inclusão Social do Ministério da Ciência e Tecnologia. Mesmo antes da conclusão de seu prédio, a equipe de professores responsáveis pelo projeto deu início as atividades de divulgação científica, atendendo escolas com exposições itinerantes e no Museu de Anatomia Humana. Em 19 de outubro de 2009, o prédio do Museu de Ciências Morfológicas foi inaugurado, consolidando a criação de um espaço de ensino informal de ciências, um dos poucos institucionalizados no Rio Grande do Norte.

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Natal: Trio de estudantes de escola estadual brilham no Judô

Professor e destaques do Judô (foto: Danilo Bezerra)
Por Danilo Bezerra

A educação aliada ao esporte é capaz de conceber histórias de êxito e superação. Um bom exemplo dessa afirmativa vem da Escola Estadual Belém Câmara, localizada na Cidade da Esperança, bairro da zona oeste de Natal, onde um trio de estudantes vem conquistando vitórias no judô e mudando a trajetória de suas vidas.

Os alunos Aldi Oliveira, Adriano Ítalo e Everton Silva, todos do 9º ano, treinam diariamente em uma das salas da Escola Belém Câmara. Após as aulas o treinamento prossegue em uma academia localizada no bairro de Felipe Camarão. Em ambos os locais as atividades são realizadas pelo professor de Educação Física Emerson Soares, que atua na escola por meio do programa Mais Educação.

O estudante Aldi Oliveira, 16, mora no bairro de Felipe Camarão. Acompanhando os ensinamentos do professor de judô, Aldi decidiu mudar-se para a escola em Cidade da Esperança. “Estou na Belém Câmara sobre a influência do professor Emerson que passou a lecionar aqui e por saber que a escola nos ajudaria”, destaca o estudante.

Aldi treina há seis anos e já é detentor do troféu atleta-ouro dos Jerns, honraria que é oferecida ao melhor aluno de cada modalidade esportiva. O estudante também participou de vários campeonatos regionais e nacionais de judô, e já recebeu inúmeros convites para estudar em outras escolas de Natal, porém nunca cogita deixar a Escola Belém Câmara.

O entusiasmo dos alunos pode ser traduzido nas palavras do diretor da escola, o professor Raimundo Francisco. “O trabalho desses meninos motiva muitos outros a buscarem o esporte. A cada conquista que eles ganham serve de exemplo para uma realidade diferente que cada estudante pode alcançar”, lembrou o diretor.

Juverns

Juntos, os três alunos farão parte da delegação que representará o Rio Grande do Norte nos Jogos da Juventude Escolar (Juverns) em João Pessoa, capital do estado da Paraíba, no próximo mês de novembro. Eles foram classificados na faixa etária de 15 a 17 anos, na fase regional da competição que aconteceu em Natal, no início do segundo semestre deste ano.

Natal: Encontro Nacional de Física reúne pesquisadores de várias partes do mundo

Físico Fernando Quevedo 
Reunindo pesquisadores de várias partes do país e do mundo, o Encontro Nacional de Física acontece pela primeira vez na região Nordeste, em Natal, de domingo (04) a quarta-feira (07), com atividades nos hotéis Praiamar, Rifoles e  Pontalmar.

O evento tem a promoção do Instituto Internacional de Física (IFF) e do Departamento de Física Experimental da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

O Encontro Nacional, que comemora os 50 anos da Sociedade Brasileira de Física (SBF), tem o objetivo de  estimular a colaboração entre pesquisadores de diferentes áreas. Nesta edição especial diversos eventos acontecerão simultaneamente abrindo espaços para um maior intercâmbio entre pesquisadores e estudiosos de diversas áreas da Física.

São destaques da programação os pesquisadores palestrantes Fernando Quevedo (International Centre for Theoretical Physics), Harry Swinney (University of Texas at Austin), Jeffrey Hangst (Aarhus University and CERN), Nathaniel Fisch (Princeton University),Paul Chu (University of Houston), Paul Davies (Arizona State University) e Svein Sjoberg (University of Oslo).

O evento conta ainda com vários estudiosos das áreas de matéria condensada e materiais, física estatística e computacional, física biológica, ótica e fotônica, física atômica e molecular, física de partículas e campos, física nuclear, física dos plasmas e pesquisa em ensino de física.

As informações detalhadas e programação completa podem ser consultadas no site oficial do evento.