quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Museu de Ciências Morfológicas da UFRN é um dos principais da América Latina

Acervo chama a atenção de estudantes
O Museu de Ciências Morfológicas (MCM) do Centro de Biociências da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) é reinaugurado na condição de ser um dos mais importantes da América Latina e como integrante de um dos guias mais importantes do Continente: o “Guide Centres and Science Museums in Latin America and the Caribbean”.

O Museu de Ciências Morfológicas, localizado no Campus Central da UFRN, em Natal,  possui um importante acervo de Anatomia Humana com representações de peças de todos os sistemas do corpo humano, e do desenvolvimento embrionário. O espaço possui ainda uma sala com o acervo de Anatomia Comparada, com animais da fauna do Rio Grande do Norte, organizados evolutivamente.Outra importante novidade na reinauguração, a sala com o Museu do Mar, conta com diferentes animais marinhos, desde invertebrados até grandes cetáceos. 

A nova estrutura do Museu de Ciências Morfológicas já está aberta para visitação. O local passa a oferecer visitas previamente agendadas, para grupos de estudantes e professores do ensino fundamental e médio. As visitas são monitoradas por graduandos dos cursos de ciências biológicas, da saúde e agrárias da UFRN, treinados pelos pesquisadores do museu, sobre os grandes temas da Morfologia, bem como sobre abordagens didático-pedagógicas.

Estudantes se surpreendem na visita
“Até o momento, atendemos a 347 escolas de ensino fundamental ao profissionalizante, com cadastro efetivado e que continuamente realizam visitas em grupos para complementar as aulas de ciências. Além disso, o museu promove o treinamento de professores do sistema educacional, no intuito de melhorar o aproveitamento das visitas escolares ao museu, e capacitá-los para produção de peças e modelos anatômicos, que possam ser utilizados em suas escolas”, lembra a professora Cristina Camilo, vice-diretora do Museu.

Para os acadêmicos extensionistas da UFRN, o MCM possibilita a oportunidade de conviver com a realidade social e a prática profissional, além de realizar um exercício de cidadania ao compartilhar com outros, os conhecimentos técnico-científicos adquiridos em sala de aula, em laboratórios de ensino e pesquisa.

Alunos da UFRN falam para estudantes visitantes
O MCM desenvolve projetos de extensão, coordenados por professores do Departamento de Morfologia. Alguns exemplos são o Museu Itinerante de Morfologia: Levando Ciência ao RN; Brinquedos e Brincadeiras no Museu de Ciências Morfológicas da UFRN; Desvendando os mistérios do desenvolvimento embrionário; O museu de Ciências Morfológicas vai ao Parque da Cidade e Histologia: proximidades e assimetrias concretas entre a ciência e a arte. O museu, também funciona como laboratório para professores da UFRN com sua utilização em aulas práticas de suas disciplinas e no desenvolvimento de pesquisas.


Visita

O Museu de Ciências Morfológicas está funcionando de segunda a sexta-feira nos horários de 7h às 12h e de 13h às 17h. As visitas devem ser agendadas com antecedência pelo telefone (84) 3215-3431.

História

O Museu de Ciências Morfológicas da UFRN teve projeto de criação elaborado por professores que atuam na área no ano de 2005.O projeto foi submetido e aprovado pela Secretaria Nacional da Ciência e Tecnologia para Inclusão Social do Ministério da Ciência e Tecnologia. Mesmo antes da conclusão de seu prédio, a equipe de professores responsáveis pelo projeto deu início as atividades de divulgação científica, atendendo escolas com exposições itinerantes e no Museu de Anatomia Humana. Em 19 de outubro de 2009, o prédio do Museu de Ciências Morfológicas foi inaugurado, consolidando a criação de um espaço de ensino informal de ciências, um dos poucos institucionalizados no Rio Grande do Norte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário