segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Professora da UFRN defende no Senado a manutenção de Paulo Freire como Patrono da Educação Brasileira

Paulo Freire em sala de aula (Foto: Tribuna do Norte)
A professora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Marlúcia Menezes de Paiva, fala na tarde desta terça-feira (28), na Comissão de Direitos Humanos do Senado Federal, em defesa da manutenção do título de Paulo Freire como Patrono da Educação Brasileira.

Cartaz da reunião
Marlúcia Paiva abordará a experiência das “40 Horas de Angicos”, projeto inovador de alfabetização ocorrido no Sertão do Rio Grande do Norte, no ano de 1963, criado e liderado por Paulo Freire. “Minha participação vai ser falar sobre a experiência de Angicos, tanto nos aspectos históricos, como pedagógicos e sociais”, diz Marlúcia.

A defesa do nome de Paulo Freire como Patrono da Educação Brasileira se faz necessária no momento já que existe uma proposta de lei elaborada por um grupo conservador da população solicitando ao Senado Federal que casse esse título dado ao ilustre educador nordestino. Esse processo tem como relatora a senadora potiguar Fátima Bezerra. A reunião do Senado terá também a participação de Moacir Gadotti, do Instituto Paulo Freire.

sábado, 25 de novembro de 2017

Natal: Praça de Neópolis ganha espaço cultural em homenagem a Geraldo Evangelista, um dos grandes professores de história do país

Inauguração da Praça Geraldo Evangelista em Neópolis
“Riquezas de informações” assim define o médico Pedro Cavalcante sobre as aulas de história do professor Geraldo Lucas Evangelista (Geraldão) ao falar em nome dos amigos do professor Geraldão, na tarde da sexta-feira (24), durante inauguração do Espaço Cultural que leva o nome do renomado professor, na praça central de Neópolis, em Natal (RN).

O espaço na praça central de Neópolis foi criado para fomentar a cultura do bairro, no qual Geraldo Lucas morou por grande parte da sua existência. O evento reuniu centenas de amigos, ex-alunos, familiares, escoteiros e pessoas ligadas ao movimento literário e em defesa da natureza.

O médico Pedro Cavalcante lembrou que Geraldo Lucas era verdadeiro contador de história e encantava em suas aulas porque “como professor, ele era perfeito”. Foi viajando pela costa Branca do Rio Grande do Norte que Pedro Cavalcante mais se emocionou com as “histórias” do velho amigo. “Ele me levou até Macau para apresentar um lugar que considerava belo, a Praia de Diogo Lopes”, falou o médico recordando o carinho de Geraldo com sua terra natal e suas belezas naturais.

Grande legado para ensino de história do país

Para o professor e empresário César Jácome, o mestre Geraldo Lucas era uma enciclopédia e, com sua voz marcante, agradava a todos os alunos. “Hoje ele merece ser lembrado com toda virtude de um homem bom. Geraldão deixou um grande legado para o ensino de história do país”, disse.

Outro professor e amigo de cursinhos livres em Natal, o professor Augusto Macedo, destacou que Geraldão possuía um estilo próprio para lidar com o ensino de história. “Geraldo Lucas era dono de uma bagagem cultual fora de série e uma honestidade espetacular”, fala Augusto.

Geraldo Lucas Evangelista morreu em Natal no dia 04 de fevereiro de 2010. Trabalhou na Universidade Federal do Rio Grande Norte e em diversas escolas públicas e particulares em Natal e Macau – terra na qual nasceu e militou nos movimentos sociais da igreja católica durante os anos do golpe militar. Ele era casado com a professora Socorro Evangelista e pai de quatro filhos.

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Educação de Macaíba avança no planejamento participativo do ano letivo de 2018

Domingos Sávio em reunião com o Conselho Municipal de Educação
Educação de Macaíba avança na discussão de metas e pautas importantes para o planejamento participativo e efetivo do ano letivo de 2018. Em mais uma reunião com órgãos, segmentos e instituições que fazem a sociedade organizada do município, o secretário da Educação de Macaíba, professor e sociólogo Domingos Sávio, discutiu com o Conselho Municipal da Educação, na tarde da quinta-feira (23), pautas e metas para o planejamento do próximo ano na rede de escolas públicas de Macaíba. A reunião aconteceu nas dependências da própria Secretaria de Educação do município.

Na oportunidade, Domingos Sávio tratou com o Conselho Municipal de Educação assuntos como o Calendário Escolar 2018 e a Portaria sobre um sistema próprio de avaliação a ser adotada pelo órgão gestor da Educação do município. "Procuramos, dentro da atual gestão municipal liderada pelo prefeito Fernando Cunha, estabelecer vínculos efetivos de discussão e de troca de experiências com o Conselho Municipal de Educação e com outros segmentos importantes da Educação de Macaíba. Nosso interesse é partir para o próximo ano letivo com um planejamento dentro de nossa realidade que contemple a eficiência do ensino", afirmou o secretário da Educação do município, Domingos Sávio.

domingo, 19 de novembro de 2017

Uma viagem de sonhos e de aprendizagem ao Brejo Paraibano

Alunos visitam histórica usina de cachaça
Os alunos das 1ªs. séries do Ensino Médio dos turnos matutino, vespertino e noturno da Escola Estadual Maria Arioene de Souza, localizada na cidade de Campo Redondo, Trairi do RN, participaram de uma viagem pedagógica ao histórico município de Areia, na Paraíba. Participaram cerca de 100 estudantes, a direção da Escola e os professores de Língua Portuguesa, Matemática, Física, Biologia, História, Língua Inglesa, Geografia. 

A viagem pedagógica no dia 1º deste mês contou com aulas de campo em visitas ao Engenho Triunfo, importante produtor de cachaça na região Nordeste; ao Museu do Brejo Paraibano dentro da Universidade Federal da Paraíba; a Trilha do Cumbe; a primeira Igreja Católica de Negros da Paraíba; ao primeiro teatro paraibano; e ao Museu do pintor Pedro Américo. Os alunos também passearam pelas ruas históricas da cidade de Areia, que é patrimônio histórico do estado da Paraíba.

A visita à cidade de Areia (PB), distante 173,6 km do município de Campo Redondo, no Rio Grande do Norte, com a realização de aulas de campo, teve planejamento dos professores da Escola Estadual Maria Arioene de Souza dentro do processo de Formação Continuada desenvolvido com recursos do Projeto de Inovação Pedagógica (PIP) do Governo do Estado, realizado por meio da Secretaria da Educação.

"Os alunos ficaram encantados com a viagem, com os lugares que tomaram conhecimento, com as informações novas recebidas, com as histórias que ouviram e com o próprio clima serrano do lugar. Fizemos trilhas às 11 horas da manhã sem calor nenhum", destacou a professora Francisca Marta de Araújo Silva Alves, diretora da Escola Maria Arioene de Souza. 

Primeira igreja católica de negros da Paraíba
A Escola Estadual Maria Arioene de Souza, criada em 1982 e localizada no centro da cidade de Campo Redondo, funciona nos turnos matutino, vespertino e noturno, oferecendo o 9º ano do Ensino Fundamental e as três séries do Ensino Médio.

O município de Areia está localizado na microrregião do Brejo Paraibano com população estimada em 23.110 habitantes, segundo dados do ano de 2015 do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Areia tem uma área territorial de 266.659 km² e se situa em local elevado com relação ao nível do mar. Possui diversas fontes e balneários aquáticos e várias riquezas naturais.