segunda-feira, 4 de junho de 2018

Apodi: Estudantes de escola estadual resgatam a memória do povo

Estudantes buscam resgatar cultura do povo
A força das tradições do campo, o contato direto com a natureza, o rústico e o belo no Lajedo Soledade, o verde da Chapada, as crenças e as danças, os costumes de um povo que se mantém firme no presente buscando preservar seu passado, e já em preparação para seu futuro. Esse conjunto de fatores está mobilizando os estudantes da Escola Estadual Sebastião Gomes de Oliveira, localizada no rico e histórico município de Apodi, na região do Médio Oeste do Rio Grande do Norte.

A partir de coleta de relatos de antigos moradores da zona rural do município, envolvendo depoimentos, captação de imagens e contatos com objetos, notas e documentos que remontam ao tempo passado, os estudantes do 7º e 9º ano do Ensino Fundamental avançam no resgate de tradições e costumes culturais que marcaram a viva do povo de sua terra.

O objetivo do trabalho é montar o “Memorial da Gente” e a ação está se desenvolvendo no tradicional Distrito de Melancias, na zona rural do município. O projeto “Memorial da Gente – Resgate de memórias afetivas e preservação do patrimônio histórico” é também o finalista do Desafio Criativos da Escola.

O percorrer das comunidades em busca de dados de uma história que permanece viva, já que tem continuidade em nosso próprio dia-a-dia, os estudantes montaram e decoraram uma carroça típica da terra para, com ela, visitar as pessoas idosas da zona rural. Visita que tem como principal objetivo ouvir os idosos e receber (desfrutar) de suas lembranças. Com o teor dos depoimentos obtidos, os jovens alunos fazem o resgate dos acontecimentos particulares e marcantes que fizeram a história da comunidade. O resgate serve também para estabelecer vínculos com os idosos e para uma melhor compreensão do valor histórico de documentos antigos, objetos, coisas e móveis de um tempo que já passou, mas que continua se evidenciando no presente. Observando as “velhas-novas” informações, os estudantes estão percebendo a importância da preservação da cultura, da linguagem e das tradições locais na manutenção de uma entidade de caráter coletivo regional.

O compartilhamento das descobertas está sendo feito pelos jovens alunos por meio de um museu fotográfico itinerante e um outro museu que disponibiliza as imagens de forma virtual. Os estudantes também listaram expressões e palavras típicas da região através da criação de uma Dicionário de Verbetes e Palavras: “O Melanciês”.

O projeto, devidamente documentado e catalogado, foi apresentado pelos alunos à Câmara de Vereadores de Apodi, com o objetivo de conseguir sua preservação como patrimônio histórico do município. O “Memorial da Gente” continua vivo neste ano de 2018 e já organizou o Festival de Teatro e Danças Populares, que teve a promoção da 13ª Diretoria Regional de Educação (13ª Dired), órgão da Secretaria da Educação do RN, sediado em Apodi.

Desafio Criativos da Escola

A 4ª edição do projeto Desafio Criativos da Escola está com inscrições abertas e estudantes e educadores interessados têm até o dia 1º de outubro para enviarem suas ações. No ano de 2017, o projeto Desafio Criativos da Escola, do qual o “Memória da Gente” dos estudantes da Escola Estadual Sebastião Gomes de Oliveira foi finalista, recebeu 1492 projetos de todas as regiões do Brasil.

Instituto Alana

O projeto Desafio Criativos da Escola é uma iniciativa do Instituto Alana, organização da sociedade civil sem fins lucrativos que atua incentivando programas que busquem a garantia de condições para a vivência plena da infância. O Instituto foi criado em 1994 e é mantido pelos rendimentos de um fundo patrimonial desde 2013.

Nenhum comentário:

Postar um comentário